Frete  Grátis  para  todo  Brasil nas compras acima  de R$ 300,00


 
PÉROLAS 

Pérolas

 

  

Tipos de Pérolas: As pérolas podem apresentar-se de diversas cores, formas e tamanhos. Pérola cultivada de água doce vem de moluscos exclusivos destas águas e são produzidas no Japão, China e Estados Unidos. As cores destas pérolas são dadas pelo molusco. Branca é a mais comum, seguida da rosa. Outras cores dependem diretamente do tipo de molusco. Pode-se ter colorações mais rosas, azul esverdeada e salmão.
As pérolas de água doce chinesas melhoraram muito a qualidade nos últimos 5 anos e estas pérolas cultivadas são rivais em qualidade das mais caras pérolas naturais que já foram encontradas.
Além destes tipos de pérolas existem as pérolas do mar do sul, conhecidas como South Sea Pearls, produzidas no norte da Austrália e sudeste da Ásia incluindo Mayanmar e Indonésia. A cor destas pérolas varia do prateado ao dourado.
As pérolas do Taiti, que são as que devem ser utilizadas neste concurso, também conhecidas como as pérolas negras, crescem nas águas da Polinésia francesa. Sua cor pode variar do cinza ao preto com reflexos vermelhos, verdes ou azuis. A ostra que produz este tipo de pérola pode ser encontrada nas ilhas Cook, Fiji, Tonga, Samoa, Nova Caledônia, Filipinas, Panamá e Golfo do México.

Pérolas Cultivadas: As pérolas cultivadas representam, hoje em dia, 90% das do comércio total de pérolas. A crescente demanda de pérolas levou o homem a cultivá-la em grandes quantidades.
A origem das pérolas começa quando um grão, como um grão de areia, por exemplo, vai para dentro do corpo da ostra e causa irritação. A ostra então, como defesa, libera uma substância, chamada nácar que se deposita ao redor do grão. As camadas de nacre depositadas no grão formam uma substância lisa e compacta. Após muitos meses ou anos deste processo, a pérola é formada.
As pérolas cultivadas são produzidas da mesma forma que as naturais, porém utilizando uma técnica, que consiste na colocação de um corpo estranho na ostra. Como o processo deixaria de ser produtivo porque a formação de uma pérola grande poderia demorar muito, um "núcleo fabricado" é utilizado, feito com a concha de outro molusco. O inventor desta técnica foi Kokichi Mikimoto, no início do século XX.
Muitas pessoas ainda acreditam, erroneamente, que as pérolas cultivadas são imitações ou pérolas falsas. Na verdade, a pérola cultivada é uma pérola natural que recebe uma ajuda do homem para começar a se formar.

 

 

Os Cuidados com as Pérolas: As pérolas são frágeis e precisam de cuidados especiais para não perderem suas características. Um dos primeiros cuidados é não colocar a sua jóia com pérolas junto com outras jóias, para que não sejam danificadas. É preferível colocá-las em um saquinho, separadas.
A pele de algumas pessoas são mais ácida do que de outras e, se uma peça é utilizada regularmente, algumas pérolas estarão em constante contato com a pele, principalmente em colares, na parte de trás do pescoço. As pérolas irão absorvendo a acidez da pele e podem acabar descamando, diminuindo muito de tamanho, além de perder o brilho. Você pode frear este processo limpando as pérolas com um pano macio após usá-las.
Além de frágeis em sua constituição, as pérolas são muito sensíveis a produtos químicos como perfumes, cosméticos, produtos de limpeza, vinagre, limão, etc. O calor e o ar seco também podem estragar as pérolas, tornando-as mais escuras, secas e quebradiças.
Sendo assim, delicada por natureza, deve-se ter um cuidado especial na limpeza:
1 - Nunca use ou exponha as pérolas a detergente para louça ou limpeza, alvejantes, produtos para limpeza em pó, produtos para fogão ou a base de amônia;
2 - Não utilize escova de dentes ou de polimento e nenhum material abraviso para limpar as pérolas;
3 - Evite expor as pérolas a ambientes secos e nunca as coloque perto de calor (fogão, fogo, sol);
4 - Tire as suas pérolas quando utilizar cosméticos, produtos para os cabelos, perfumes e quando for tomar banho ou nadar;
5 - Verifique o cordão do seu colar de pérolas periodicamente;
6 - Nunca utilize ultrasom;
7 - Prefira utilizar a sua jóia, principalmente colares, com tecidos que não sejam muito ásperos.

Limpando as pérolas: Após utilizar as pérolas, passe um tecido macio, seco ou úmido, para prevenir a acumulação de sujeira e manter a pérola livre do suor, prevenindo a corrosão do nacre. Pode-se utilizar também um pouco de azeite de oliva ou óleo de amendoas de boa qualidade no pano para ajudar a manter o brilho da pérola.

Voltar
 
 

Serviços Pedras preciosas curiosidades Cuidados metais preciosos

 

 

 
Entrega Rápida
Envio de produtos disponiveis em até 24 horas
após a aprovação do pagamento.
Siga-nos:
Pagamentos:
Parcelamos em até 12 vezes nos principais Cartões de Crédito em 
Parceria com os Pagamentos Digitais PayPal, Mercado Pago,Pagseguro, Bcash.
          


*Rua Vinte e Quatro de Maio, 77 loja 20   *Rua Barão de Itapetininga, 88  -  fones:11 33378659   / 11 3225-9946    -  Centro - São Paulo - Brasil